Como fazer kombucha

29 jan 19
Como fazer kombucha

Você já ouviu falar no Kombucha? Ela é uma levedura composta de microrganismos aglomerados em uma massa de celulose parecida com uma panqueca, chamada de Scoby. Quando essa “panqueca” é colocada num pote contendo uma mistura de chá e açúcar, transforma o líquido em uma bebida refrescante que fornece diversos nutrientes excelentes para a saúde. Separamos um passo a passo de como fazer a kombucha, que exige dedicação e cuidado para você obter a bebida perfeita.

A cultura de kombucha se alimenta do açúcar e, na troca, produz outras substâncias valiosas que se formam na bebida: o ácido glucurônico, ácido glucônico, ácido láctico, vitaminas, aminoácidos e substâncias antibióticas. Dentre outras substâncias, o álcool de 0.5% a 1% também é produzido, mas não caracteriza a bebida como alcoólica.

Como fazer kombucha

Antes de começar, é preciso entender que o processo deve ser feito em duas etapas. Não é uma receita complexa, mas exige paciência e tempo. Sabe aquele dia que você tá livre, sem programação e quer relaxar a mente? É o melhor para você se dedicar à kombucha!

Etapa 01: preparar a base da kombucha

Ingredientes e utensílios

  • 01 pote de vidro de 3 litros
  • 01 scoby (cultivo de kombucha) – Existe um grupo no Facebook para doação de mudas aqui.
  • 2 litros de água
  • 250ml de chá fermentado (líquido de arranque — é aquela bebida pronta que veio com o scoby)
  • 08 colheres de sopa ou 125g de açúcar cristal orgânico
  • 05 colheres de chá ou 12,5g de chá
  • 01 pedaço de pano ou papel toalha ou coador de café de pano
  • 01 elástico

Preparo

1 Ferva 1 litro de água
2 Acrescente o chá
3 Deixe-o em infusão por cerca de 10 minutos
4 Coe o chá
5 Acrescente o açúcar
6 Dilua o açúcar no chá (ainda quente)
7 Coloque-o dentro do pote de vidro (aconselhamos que você se assegure de que o pote de vidro suporta água quente antes de colocá-lo)
8 Acrescente 1 litro de água gelada
9 Depois é só acrescentar o chá fermentado e o scoby. Atenção:  Antes de acrescentar, certifique-se que o chá está em temperatura ambiente;
11 Tampe o vidro com um pano/guardanapo e prenda-o com um elástico, evitando assim sua contaminação
12 Deixe-o em um lugar escuro (de preferência dentro do armário), sem mexer, por 5 a 7 dias (esse tempo vai variar conforme o clima da sua região, no verão ou dias mais quentes, deixe menos tempo)
13 Após o período, retire os dois scobys (a mãe e o filhote)
14 Separe 250ml do chá fermentado (líquido de arranque) para fazer nova fermentação e/ou doação;
15 Após esse procedimento, o chá fermentado está pronto para consumo ou para fazer a segunda fermentação com sabor (etapa seguinte).

ingredientes-como-fazer-kombucha

como-fazer-kombucha

como-fazer-kombucha

como-fazer-kombucha

Etapa 2: adição do sabor na kombucha

Você vai precisar de:

  • Funil de plástico
  • Peneira de plástico
  • Garrafa de vidro
  • Frutas e/ou ervas a gosto

como-fazer-kombucha

Modo de Preparo:

1 Com a ajuda do funil e da peneira, coloque o líquido fermentado em uma garrafa de vidro que possua boa vedação ou PET
2 Acrescente as frutas e/ou ervas que você escolheu, e uma pitada de açúcar (se quiser)
3 Tampe e aguarde de 3 a 4 dias, dependendo da temperatura do ambiente. Quanto mais quente, mais rápido o processo deve ocorrer
ATENÇÃO: Coloque a garrafa na geladeira algumas horas antes de abri-la, para evitar que a bebida espirre por todos os lados (isso ocorre devido a formação natural de gás)
4 E pronto, o seu Kombucha saborizado está pronto para ser consumido. 🙂

 

*Testamos também utilizando a polpa da fruta ao invés das frutas picadas e gostamos muito do resultado. O gosto avinagrado do kombucha ficou mais suave, vale a pena experimentar. Usamos a combinação de morango e uva  e abacaxi com hortelã. Você também pode experimentar em casa diferentes combinações.

**Uma observação: o pH inicial do kombucha (depois de adicionar o líquido de arranque ao chá) deve ser de 4,5 pH. O pH final do kombucha deve ser entre 2,8 e 3,2. Um pH superior a 5 aumenta o risco de contaminação do scoby.

Para medir o pH existem aparelhos específicos, mas você pode utilizar fitas medidoras que são opções mais baratas e podem ser encontradas em mercados (elas não são tão precisas, mas já ajudam bastante).

Mas nada como o bom paladar para saber o ponto certo de tirar o kombucha da primeira fermentação, e melhor ainda o tempo/experiência. Se não der certo de primeira, não tem problema, basta continuar tentando.

Temos um grupo no Facebook de kombucha para reunir pessoas que assim como a gente apreciam a bebida e gostam de trocar informações com outras sobre o kombucha. Assim você pode dividir com os outros suas dúvidas.