Como funciona o clube de assinatura de chás?

02 mar 19
Como funciona o clube de assinatura de chás?

Você já deve ter ouvido falar em clubes de assinaturas, não é mesmo? Eles se popularizaram no Brasil e é possível encontrar de diversos segmentos. Todos eles possuem a mesma dinâmica: você assina uma mensalidade e recebe produtos especiais, todos os meses. Da mesma maneira é o nosso, mas que conta com uma proposta especial: ajudar a as pessoas a aprenderem mais sobre chá.

O Clube de Assinaturas do Diário do Chá surgiu em 2017, criado pela Helena Leigue, que é sommelière de chá e tea blender e pelo sócio-fundador Henrique Aguiar, um apaixonado por chás desde a infância. Juntos,  uniram o desafio de selecionar chás de alta qualidade e proporcionar experiências sensoriais para as pessoas através da bebida. O desafio deu certo e hoje é um dos maiores clubes de chá do país.

A assinatura dá direito à Tea Box, uma caixa especial que acompanha dois tipos de chás ou infusões diferentes, de 20 gramas cada e o manual do tea lover, um guia especial com orientações para realizar a análise sensorial dos chás do mês e prepará-los corretamente, receitas, dicas e curiosidades.

Como os chás são selecionados?

A nossa equipe de tea hunters -ou caçadores de chás- realiza uma curadoria diária, experimentando chás do mundo inteiro, avaliando critérios importantes, como granulometria, aroma, complexidade, adstringência, corpo, textura, pungência e as sensações gustativas.

Parece difícil? Explicamos abaixo alguns dos principais itens que avaliamos em cada chá.

Granulometria: avaliação do tamanho dos ingredientes e elementos que compõem o chá. O ideal é ter uma granulometria regular, para que seja possível visualizar todos os ingredientes tanto na erva seca como molhada e também para garantir que elas não passem pelos filtros dos infusores, com pequenos sedimentos, o que irá atrapalhar a degustação do chá. Se os ingredientes forem maiores, também pode ser ruim, porque será necessário utilizar maior quantidade de erva que o padrão, por exemplo.

Aromas: uma das principais características de um chá é o seu aroma. Ele precisa ser bem definido, equilibrado e elegante. Nem sempre é fácil identificar todas as composições de um aroma, afinal tudo acontece ao mesmo tempo. Por isso a importância da análise técnica, para avaliar por completo suas características. Isso não quer dizer que todo chá terá um aroma extremamente intenso, mas sim precisa ter um perfil redondo e harmonioso.

Complexidade: a avaliação da complexidade do chá é extremamente importante. Mas afinal, o que é isso? De maneira bem resumida, esse critério é baseado na intensidade do chá,  quais e quantos sabores estão presentes nele. Quanto mais complexo, maior o desafio de identificar seus sabores e aromas, o que pode ser um excelente teste para o paladar.

Adstringência: aqui é o momento de avaliar quão adstringente é o chá. Como assim? Quando você come algo e tem uma sensação de que a boca ficou “contraída”, é um sinal de que o alimento era adstringente. Com os chás isso também acontece, em maior ou menor quantidade, o que pode favorecer ou desqualificar a bebida se não houver um equilíbrio no conjunto da obra, por assim dizer.

Corpo: nesta etapa, o licor é analisado, para entender se é mais aguado ou se é mais denso, viscoso.

Textura: neste caso, a textura está mais relacionada à sensação do chá, que pode parecer mais aveludado, suave ou o oposto.

Pungência: em outras palavras, a picância. Para esse critério é avaliado se há ou não pungência e qual o seu perfil.

Diferencial: muitas vezes, um chá ou uma infusão possui uma combinação muito harmônica entre os fatores analisados, no entanto, pode ser muito semelhante a outros disponíveis no mercado  e de fácil acesso ao consumidor. Ter diferenciais é importante para se destacar e surpreender os assinantes.

Todos os chás que passam pelo processo seletivo são analisados com os mesmos critérios, para manter o padrão de qualidade.

Como funciona o clube?

Participar do Clube de Assinaturas de Chá é uma oportunidade para ampliar o paladar, conhecer novos chás e desafiar a si mesmo, descobrindo novas sensações a cada xícara. Também é uma facilidade para quem gosta de chás, mas não tem tempo para comprar ou pesquisar, assim, tem a certeza de que alguém está escolhendo os melhores chás, sempre. Para entender melhor como funciona o clube e como é fácil participar, explicamos a seguir.

Você assina

O primeiro passo para participar é fazer a sua assinatura. É bem simples, você escolhe o plano que mais se encaixa com o seu perfil e paga uma mensalidade. Atualmente, oferecemos 3 modalidades de planos, veja só:

Experimente: é uma compra única, ideal para você comprar e experimentar a nossa Tea Box antes de assinar. Ela também é indicada como opção de presente para aquela pessoa especial que adora chás.
Valor: R$ 78,90 + frete

Plano mensal: é a opção para quem quer receber nossa tea box todos os meses, mas sem se comprometer com fidelidade ou multa.
Valor: R$ 69,90 + frete

Plano anual: mais econômico, é indicado para quem é tea lover de carteirinha.
Valor: R$ 49,90 + frete

Formas de pagamento: você pode optar pelo que for melhor para o seu estilo, são aceitas as principais bandeiras de cartão de crédito ou boleto bancário. Para o plano anual, a opção de boleto é referente ao valor total da assinatura de 12 meses com frete.

Nós selecionamos

A nossa equipe de especialistas em chás faz uma curadoria mensal, para escolher com muito carinho e cuidado chás diferentes todos os meses do ano.

Receba em casa

Você recebe no conforto da sua casa a nossa Tea Box, com 2 tipos de chás ou infusões de 20 gramas cada. Juntos, eles podem render até 40 xícaras de chá. Além disso, a caixa acompanha o manual do tea lover, um guia completo sobre a seleção do mês.

Viva experiências

Com a caixinha em mãos, você está pronto para viver novas experiências, sensações e aprender cada vez mais sobre os diferentes tipos de chás.

Viu como é simples experimentar chás deliciosos e surpreendentes todos os meses? Aproveite para conhecer a seleção deste mês aqui.