Blends artesanais e naturais na tea box de fevereiro

01 fev 20
Blends artesanais e naturais na tea box de fevereiro

A tea box de fevereiro do Clube de Assinatura do Diário do Chá está surpreendente com dois blends elegantes. A marca convidada é a Kurtea Station, de Brasília (DF), que produz chás artesanais, sem conservantes e aditivos.

A marca Kurtea Station surgiu em 2017, com o objetivo de comercializar infusores de chá  divertidos. Mas ao longo do tempo, a idealizadora, Natasha Kurtzenbaum percebeu que o seu amor pelo mundo dos chás era mais forte e por isso, decidiu investir mais no mercado.

Psicóloga por formação, ela buscou especialização e se tornou sommelière de chá e tea blender e cursos de aperfeiçoamento, para então dar um passo importante: criar seus próprios chás.

Embora a bebida já estivesse presente nas cultura da sua família, ela nunca imaginou que uma dia poderia elaborar uma carta de chás da sua marca.

“Nossa missão é difundir a cultura do chá com alegria e descontração através dos acessórios para chás e saúde e bem-estar com nossos blends”, explica Natasha.

Atualmente a Kurtea Station possui 9 blends autorais em seu catálogo e vende em pontos de venda na região e também pela internet, mas a sua produção é em baixa escala – para dar o amor e a dedicação que cada chá merece.

Conheça abaixo cada blend da tea box de fevereiro!

Blend Alvorada

O nome lhe parece familiar? Sim, o blend Alvorada é uma singela homenagem ao Palácio da Alvorada, casa do presidente da república e também significa nascer do sol. 

Uma simbologia que faz jus à composição do blend exclusivo: ele é feito com chá verde Darjeeling, abacaxi, coco e amêndoa.

blend alvorada kurtea station no Diário do Chá

O chá de Darjeeling é cultivado e processado na cidade de mesmo nome, localizada no Himalaia.

Ele é conhecido como o “champanhe dos chás”, por conter um terroir característico do ambiente, por isso é considerado um chá de origem – assim ocorre no vinho, com o champanhe – o que os torna especiais e faz tea lovers do mundo inteiro buscarem por ele.

O blend Alvorada é delicado, leve e tem um aroma e sabor de abacaxi e coco, com um um toque especial da amêndoa.

Tem propriedades antioxidantes e estimulantes, ideal para ser consumido antes de atividades que exijam foco, atenção e energia.

Para tornar a experiência com o Alvorada ainda mais gostosa, harmonize com pão de queijo, quiche, empada ou pratos com carnes brancas, massas ou doces frutados.

De acordo com a criadora do blend, a combinação perfeita é com pão de ló. Delícia, né?

Sugestão de preparo

Quantidade: 1 colher de chá de erva (2g)
Água: 200 ml
Temperatura da água: 75 ºC
Tempo de infusão: 2
Rendimento: 2 infusões

Blend Catedral

Em homenagem à catedral de Brasília, desenvolvida pelo renomado arquiteto brasilieiro, Oscar Niemeyer, o blend Catedral é um dos chás selecionados para a tea box de fevereiro.

É uma combinação deliciosa de rooibos – um abuso de origem sul africana, rico em antioxidantes – menta e nibs de cacau. De aroma doce e refrescante, ele surpreende pelas notas distintas e que se complementam no paladar.

Blend catedral kurtea station no diário do chá

Rica em antioxidantes, anti-inflamatória e saborosa, essa infusão é ideal para tomar para relaxar, apesar do cacau apresentar uma pequena quantidade de cafeína, ainda é uma infusão perfeita para auxiliar a ter um sono revigorante.

Uma dica para fazer o tea break perfeito é harmonizaro blend com receitas de frutas e doces, principalmente com chocolate.

Além disso, esse blend pode ser uma alternativa para gestantes e lactantes, que possuem restrições de diversos chás.

Sugestão de preparo

Quantidade: 1 colher de chá de erva (2g)
Água: 200 ml
Temperatura da água: 95ºC
Tempo de infusão: 5 minutos
Rendimento: 2 infusões

Ainda não é assinante? Garanta a sua tea box aqui!